Zumbido nos Ouvidos

O zumbido nos ouvidos, também chamado de acúfeno, tinnitus e tinido é bastante frequente. Milhões de pessoas apresentam esse sintoma em nosso país. Depois de dores e tonturas, é o sintoma que mais incomoda a humanidade.

Seu surgimento, na maioria das vezes, está associado à perda auditiva.

O zumbido é uma sensação auditiva que ocorre sem estímulos externos, isto é, não é produzido por um ruído ou vibração oriundos do ambiente. Consiste de um som persistente, causado pelo envio de impulsos sonoros ao cérebro, gerados por uma anomalia do próprio aparelho auditivo. A persistência desse ruído afeta o sono, a capacidade de concentração e o humor da pessoa. É sentido muito mais intensamente quando a pessoa está em um lugar silencioso.

Apesar da causa mais comum ser a perda auditiva, – que pode acontecer por exposição constante a ruído volumosos ou pelo envelhecimento que, frequentemente, cursa com diminuição da audição – há inúmeras outras causas para o problema:

  • Exposição prolongada a ruídos muito volumosos – mais de 85 decibéis;
  • Inflamações do aparelho auditivo;
  • Diabetes descompensado;
  • Algumas alergias;
  • Alguns medicamentos;
  • Problemas neurológicos, como hérnia de disco, em algum local da coluna cervical (pescoço);
  • Doenças na gengiva, nos dentes e disfunção na articulação da mandíbula com a têmpora;
  • Doenças dos músculos, assim como alterações circulatórias no pescoço e na cabeça;
  • Doença de Ménière, na qual há vertigem;
  • Bloqueio por cera;
  • Doenças ou acometimentos dos ossículos do ouvido interno;
  • Tumor do nervo acústico – neurinoma do acústico;
  • Hipertensão arterial e arritmias do coração mal controladas;
  • Bebidas alcoólicas e cigarro;
  • Disfunção da glândula tireoide;
  • Problemas psiquiátricos, como ansiedade e depressão;
  • Outros;

Felizmente há, para a maioria dos casos, uma melhora considerável com o tratamento adequado, que deverá ser ministrado por um médico.

Atividade física pode ser muito útil para um enorme número de pessoas acometidas por esse problema.

Caso tenha alguma dúvida, ou apresente esse sintoma, procure ajuda médica.