O nascimento da astronomia

É claro que observar o céu tem sido um hábito do homem desde que se deu conta de sua própria existência. Observar a natureza e seus mistérios tem levado o homem a buscar respostas para suas descobertas.

Como surgiu a astronomia?

A astronomia – ciência natural (voltada à natureza) que estuda os corpos celestes e os fenômenos que ocorrem fora da atmosfera de nosso planeta – teve início a partir do século VI A.C, quando os filósofos gregos passaram a estudar os fenômenos celestes, sem permitir que mitos e religião interferissem em suas descobertas e conceitos. É nessa época que a matemática e a geometria passam a ser usadas como instrumentos para descrever os fenômenos celestes. Pitágoras propôs a noção de que nosso planeta é uma esfera e não uma superfície plana, como se pensava em sua época. Ele acreditava que leis naturais estavam na essência dos movimentos harmoniosos que mantinham o equilíbrio da relação entre os astros. Um século depois, a escola pitagórica – escola do pensamento e da ciência, criada pelos filósofos gregos -, através da observação da sombra que a terra projeta na lua, durante os eclipses desta, incorporou as ideias de Pitágoras aos seus conceitos astronômicos.

300 anos antes de cristo foi fundada a escola de Alexandria, onde estudaram figuras proeminentes da inteligência humana. Entre muitos estudantes dessa escola se destacaram: Aristarco de Samos, astrônomo e matemático, primeiro cientista a propor que o Sol era o centro do Sistema Solar e que a Terra apresentava movimento de rotação. Deixou um livro: “Sobre os tamanhos e distancias entre o sol e a Lua”; Eratóstenes, primeiro estudioso a calcular com grande precisão o tamanho da Terra; Hiparco, o maior astrônomo da Grécia antiga e o inventor do astrolábio – instrumento para medir a altura dos astros pelo ângulo que os separa do horizonte. Hiparco calculou, com bastante precisão, o período de revolução e órbita da lua, e fez o primeiro catálogo estelar de que se tem notícia, classificando as estrelas em seis categorias, conforme seu brilho; Cláudio Ptolomeu foi quem fez a compilação dos dados mais importantes da astronomia grega.

Após isso, os árabes, adquirindo todos os conhecimentos da astronomia grega, contribuíram imensamente para o desenvolvimento da astronomia.

Houve uma fase de nossa História em que a astronomia ficou estagnada, quase involuiu, devido à terrível influência da Igreja, que condenava à fogueira aqueles que ousassem desafiar seus conceitos sobre o universo e sua criação. Felizmente esse poder foi derrubado e a ciência pôde reiniciar seu desenvolvimento com pensamento livre.

Hoje em dia a astronomia se tornou uma ciência bastante complexa e, aliada à tecnologia, tem feito incríveis descobertas a respeito do Universo.

Assista em nosso canal do Youtube, um vídeo sobre a Super Lua, muito interessante:

 

canal youtube